domingo, 30 de Outubro de 2011

Lipoaspiração - Preços, pós operatório, tipos, complicações e clinicas

Informação completa sobre a cirurgia de Lipoaspiração - Preços, tipos de lipoaspiração,  quem pode fazer, riscos, pré operatório, pós operatório, recuperação, clinicas em Portugal que realizam a lipoaspiração, fotos antes e depois da lipoaspiração, resultados, quanto custa e possiveis complicações da lipo.

A lipoaspiração é uma cirurgia estética que melhora os contornos do corpo removendo excessos de gordura de zonas específicas do corpo (gordura localizada). “Lipo” vem do grego “lipos”, que significa gordura. Esta técnica utiliza a sucção para remover os depósitos de gordura com um instrumento próprio – cânula - que é introduzido através de pequenas incisões no corpo e que suga o tecido adiposo.

Os pacientes que fazem este tipo de cirurgia devem ter um peso estável, uma vez que este não é um método para o tratamento da obesidade. A lipoaspiração também não acaba com a celulite ou estrias, mas remova as células adiposas do corpo. Deve contudo sublinhar-se que se o paciente não levar um estilo de vida saudável, as células podem ressurgir e tornar-se ainda maiores.

Técnicas e tipos de lipoaspiração

Ao longo dos anos, a lipoaspiração tem-se tornado mais segura, fácil e menos dolorosa. Algumas das técnicas mais utilizadas actualmente são:

Seca: Foi a primeira técnica desenvolvida de lipoaspiração e não introduz nenhum líquido no corpo; é mais doloroso para o paciente, e também por essa razão requer anestesia geral. Muitas vezes resulta em complicações, mas a utilização desta técnica já é muito rara, tendo sido substituída por outras mais modernas.

Molhada: Trata-se de uma melhoria do método seco e envolve uma injecção de uma pequena porção de solução com anestesia local, um vasoconstritor e solução salina nas áreas de gordura que serão removidas.

Muito Molhada: Outra versão do método anterior que envolve ainda mais fluido – mais ou menos o mesmo volume de fluido e de gordura que será retirada. Controla melhor o sangramento e provoca um melhor equilíbrio de líquidos. Pode necessitar de anestesia geral.

lipoaspiração Tumescente: Este é o melhor e mais seguro método de lipoaspiração. Utiliza-se uma anestesia local para entorpecer a zona do corpo onde o tubo será inserido. Depois, uma grande quantidade de solução anestésica contendo lidocaína e epiferina é injectada no tecido adiposo antes de a lipoaspiração tradicional ser efectuada, que serve para criar um espaço maior entre a gordura e o músculo e tornar mais fácil o trabalho ao cirurgião. Este tipo de lipoaspiração pode não requerer anestesia geral. Este procedimento pode durar mais de quatro horas.

lipoaspiração com Ultra-som: Esta técnica utiliza o ultra-som para liquidificar a gordura, que se torna mais fácil de remover. Esta técnica é especialmente útil na remoção de gordura da parte de cima do abdómen, dos lados e nas costas.

lipoaspiração a Laser: requer o uso de fluido tumescente e é menos invasiva. Uma micro-cânula é inserida numa pequena incisão para libertar energia laser e calor para a gordura subcutânea.

Lipoaspiração assistida (PAL): usa uma cânula especializada com um sistema mecanizado que se move rapidamente para trás e para a frente, permitindo ao cirurgião retirar mais gordura mais facilmente. Pode causar menos dores e inchaços e permitir remover gordura com mais precisão.
Todas estas Diferentes técnicas são utilizadas em várias clínicas por todo o mundo e com diferentes tipos e graus de sucesso. Deverá ser cada paciente a informar-se sobre cada tipo de lipoaspiração para escolher a mais indicada para o seu caso.

Candidatos a fazer lipoaspiração

Qualquer pessoa que tenha zonas do corpo com depósitos de gordura que são desproporcionais com o resto do corpo e que não desaparecem com uma boa alimentação e exercício fisico poderá ser uma boa candidata à cirurgia de lipoaspiração. Idealmente, os candidatos a esta cirurgia devem estar em forma e não terem mais do que 10-15 kg de peso a mais do que o normal, sendo também importante que o seu peso seja estável.

A pele do candidato deve ser firme e elástica, uma vez que a seguir ao procedimento, a pele deve diminuir. Nos casos de flacidez também pode recorrer á radiofrequência. Os candidatos devem contudo mentalizar-se que a lipoaspiração NUNCA será um substituto a um bom regime alimentar e exercício físico, devendo sempre as suas expectativas ser completamente realistas quanto a resultados finais. Esta operação pode contudo aumentar a auto-estima do paciente, isto devido a sentir-se um pouco melhor com a sua imagem.

Riscos da lipoaspiração

Felizmente, a existência de complicações graves advindas de uma cirurgia de lipoaspiração é muito pouco frequente. A lipoaspiração é um dos procedimentos mais comuns levados a cabo pelos cirurgiões plásticos, e na maior parte das vezes, decorre sem qualquer problema. Contudo, todas as cirurgias podem trazer riscos, e algumas das complicações que podem ser mencionadas pelo seu médico serão:

Perfuração de órgãos (muito rara – durante a operação, outros órgãos podem ser danificados), hematomas (acumulações de sangue debaixo da pele que poderão precisar de ser retiradas), infecções, embolismo (gordura entra nos vasos sanguíneos e uma parcela fica presa nos mesmos), morte da pele (necrose – pele muda de cor e cai), alterações nos sentidos, cicatrização indevida ou queimaduras (no caso de se efectuar lipoaspiração por ultra-som), irregularidades e reacções alérgicas. Estes e outros riscos poderão ser minimizados seguindo as instruções do médico que o seguir, antes e depois da operação.

Pré-Operatório da lipoaspiração

Alguns cuidados são necessários antes de uma cirurgia de lipoaspiração, de onde destacamos os seguintes: não coma ou beba nada depois da meia noite na noite antes da operação; não beba bebidas alcoólicas 24 horas antes ou mesmo depois da cirurgia; não tome aspirinas, vitaminas ou qualquer produto natural duas semanas antes e depois da cirurgia.

Recuperação - Pós-Operatório da lipoaspiração

Neste ponto é necessário salientar uma necessidade: deve fazer-se acompanhar de um adulto responsável no dia da operação, que possa levá-lo(a) a casa e passar a noite consigo, caso necessite de algo. O nível de dores varia com o tipo de volume do procedimento (quantidade de gordura extraida), e o paciente poderá estar medicado com analgésicos entre três dias e duas semanas.

Os inchaços deverão desaparecer entre a segunda semana e o Segundo mês, enquanto que as nódoas negras não deverão demorar mais do que duas semanas a desaparecer. Os pensos deverão ser mudados, no máximo, de dois em dois dias. Quanto às actividades quotidianas, o regresso ao trabalho em princípio poderá ser feito na semana seguinte à operação, e no que respeita ao exercício físico, o ideal é esperar um mês. Os resultados finais da lipoaspiração começarão a ser mais visíveis um mês depois da operação, podendo as alterações processar-se até aos seis meses.

Preço da lipoaspiração

Quanto custa uma lipoaspiração, perguntam vocês? O preço de uma lipoaspiração varia de acordo com vários factores, como a zona do corpo onde se pretende efectuar a cirurgia, a quantidade de gordura que se pretende remover, ou mesmo a clínica escolhida. Todavia, de uma forma geral, podemos considerar que os preços praticados em clinicas localizadas em portugal variem entre os 2000€ e os 4000€.

Clinicas Onde Fazer lipoaspiração em Portugal

(Lisboa) Clinica M6: http://www.clinica-m6.com/
(Lisboa) iCare:http://www.icare.pt
( Lisboa) MyMoment: www.mymoment.pt/
(Lisboa) Clinica Atalanta: http://www.atlanta.com.pt
(Porto) Centro de Cirurgia Plástica Jaime Rocha: http://www.cirurgiaplastica.com.pt/
(Lisboa, Porto, Faro, Coimbra, Açores e Madeira) Clínica Dr. Tallon: http://www.clinicadrtallon.com
(Aveiro, Braga, Coimbra, Lisboa, Porto) Corporacion Dermoestetica: www.corporaciondermoestetica.com/pt

Fotos antes e depois da lipoaspiração





Video

Sem comentários:

Enviar um comentário

DEIXE O SEU TESTEMUNHO, E AJUDE OUTRAS MULHERES.

1 - Aconselha esta cirurgia a outras pessoas?
2 - Os resultados foram os esperados?
3 - Preços - Quanto gastou na sua totalidade?
4 - A cirurgia mudou a sua vida?
5 - Que cuidados teve e exames realizou antes da cirurgia?
6 - Como correu a cirurgia?
7 - Como foi o pós operatório?
8 - Qual o nome da clinica, hospital e cirurgião plastico que realizou a cirurgia?

TODOS querem saber além da recuperação e do resultado, o VALOR e ONDE realizou a cirurgia. Por favor NÃO esqueçam de informar o VALOR e o nome da CLINICA.

Conte a sua história e ajude milhares de pessoas com as suas informações. Podemos não conseguir mudar o mundo, mas podemos fazer a nossa parte. Ajude o próximo!